Archive for the ‘Soltos’ Category

Coisas de família

agosto 5, 2010

Um dia meu pai disse com certa convicção e tristeza que a vida é regada a suor e lágrimas.
O sentimento que eu tenho hoje, é que eu tenho que dar certo nessa vida, e mostrar pra ele que do suor e das lágrimas, um dia a gente colhe sorrisos e quando percebemos, a felicidade dá o tom na melodia do nosso dia-a-dia…
E principalmente… que dessa colheita ele tem a parte dele garantida, e que dê para mt tempo.
Espero que eu dê conta. Darei.

Non, je ne regrette rien!

junho 15, 2010

Um Blog que nem começou direito e tá meio abandonado, mas voltei só pra dizer que as vezes a vida é massa =D

Coisas boas acontecem \o/
Não só para as pessoas boas, como poderia se dizer… afinal eu até sou meio ruim, mas ultimamente as alegrias estão me cercando =D

Tomara que continue assim! De repente me vejo contando dias… faltam 3 dias pro fim de semana, faltam 4 fins de semana!

Faltam 7 dias até a prox terça! (tomara que isso dê certo!!!!)
Faltam 4h e meia pra eu ir embora da senzala! hehehehe!

Quando acaba uma contagem, sempre tem que começar outra?

Bjomeliga!

“E daí? EU ADORO VOAR!”

maio 10, 2010

A quantidade de pessoas da qual invejo por serem grandes, já não cabem mais nos dedos (pelo menos os das mãos). E a quantidade das que eu repudio por serem mesquinhas, hipócritas e pífias já estão em tal número que eu me pergunto por que tenho tanta intolerância a esse tipo de gente. Será que perdi totalmente aquela coisa de “aparência”, será que isso já não me satisfaz?

Não agüento ver todos os dias pessoas reclamando da profissão que tem, dos companheiros com os quais escolheu para dividir algo, dos “amigos” que só sabem falar mal um dos outros, dos subordinados, dos chefes e dos não chefes que querem ser melhores dos que os outros, e mostrar isso numa incessante luta de compensar algo!

E se eu sou sincero quando digo alguma coisa, se não correspondo às suas expectativa de falsidade e quando não tenho discernimento com alguns, sou taxado de hipócrita, estúpido, grosso, e outros adjetivos que vc quiser imaginar, justo eu que tento não entrar na corja dos afogados neste mundo de aparências, onde as coisas verdadeiras são deixadas em segundo plano.

Tomo algumas das palavras de Clarice Lispector como as minhas:

“Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre.
Não me mostre o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração!
Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente!
Não sei amar pela metade, não sei viver de mentiras, não sei voar com os pés no chão.
Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra SEMPRE!
Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das idéias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes.
Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Você pode até me empurrar de um penhasco q eu vou dizer:
– E daí? EU ADORO VOAR!”

Mini desabafo

abril 26, 2010

Não é por que eu pareço ser amável, que significa que eu te amo!

Nem por que eu sou legal com você!

Não quero saber de nada das suas opiniões e conclusões! Não me interessa.

As minhas atitudes não significam que eu morreria ou mataria por você, significam apenas que eu tenho momentos dos quais me agradam ao seu lado!

Não pense que eu perco o sono, a fome, ou a razão por causa de uma paixão de verão, eu apenas queria te aproveitar ao máximo.

Ka-me-ha-me-hááá!

abril 20, 2010

O que fazer quando apesar de toda a sua civilidade, educação dada pela mãe, vó, tia, pai, vô, tio, madrinha e padrinho, primos, noção de que não é certo e tudo mais… apesar de tuuuudo isso… vc tem vontade de chutar a cabeça da sua colega de trabalho pq nunca viu alguém tão falso assim na vida?

Opção a) Chuto ela mesmo.
Opção b) Corro pras colinas.
Opção c) Escrevo nesse local semi-secreto sobre meu sentimento não-bom.
Opção d) Todas as opções ao mesmo tempo agora, já!

Ok, a insanidade me abraçou e num largaaaaa!

Maluquice, Macaquice, Mesmice…

abril 20, 2010

Acabei de ler a notícia:

Operação policial na Zona Oeste tem cinco mortos e um ferido

Três morreram em explosão de carro que tentou furar cerco policial.
Ação foi planejada pela PM junto com a 34ª DP.

Certamente não sou só eu que acho que isso é notícia de guerra civil…
Mas se todo mundo acha isso insano, como é que pode ainda continuar?

Já li tanta notícia de desgraça que qualquer esperança de mundo bom persiste  em mim só de teimosia. Ou de indiferença, afinal já que tem tantos fatos ruins acontecendo, ainda bem que não foi com ninguém que eu conheço.
Infelizmente, a segunda opção vem prevalecendo.

E essa idéia de todos estarem amortecidos com tanta morte tá toda errada!
E agora, José?

Topeira, topeirinha

abril 6, 2010

Parece bem óbvio, mas inevitável pensar…

Quanto mais eu vejo, leio, penso, tento, assisto, ouço, sinto, toco, escuto, aprecio, matuto, maaaais eu percebo que não sei é de nada!

E o melhor… eu gosto de me sentir assim, como se fosse uma topeira no mundo que tem taaaaaanta coisa pra saber mais mais mais mais e mais! (seria uma tendência pseudo-intelecto-masoquista?)

Bruuuuu

março 30, 2010

ahhhhhhhhhhhhhhh

Sabe do que eu gosto do outono? Os dias frios e cinzentos! È, aquela umidade gostosa que deixa o seu corpo fresco, ao mesmo tempo em que se esquenta com a roupinha quentinhaaa!!

=D

Gosto de tomar sopa quente, sair com os amigos pra um lugar aconchegantes pra bater um papinho, namorar… Sem falar que tudo é tão mais bonito, as pessoas mais elegantes, os dias mais curtos!

As árvores adormecem, os animais hibernam, tudo fica mais tranqüilo… então vem aquela imagem das folhas ao chão, da brisa fria, dos cachecóis….

Tudo é melhor no frio!

Bem vindo Outono!

\o/

Acheiiiiii

março 30, 2010

Curingando por ai, achei a árvore do Avatar!!

heheheeAchei!!

Tadã!

março 24, 2010

To cansada de tantas reclamações, mal-humor, grosserias…
O que se ganha sendo tão reclamão(ona)?
Céus, essa quantidade de gente mal-humorada me faz ter mais vontade de estar contente e dizer bons-dias sorridentes, como se o dia fosse sempre o melhor de todos!

Antes a idéia era de velhos ranzinzas… pois ou eu sou muito velha agora ou tem muita gente nova e chata, ranzinza e preguiçosa!
Só faz pensar no sábio ensinamento que as pessoas não ficam chatas quando envelhecem, mas elas são chatas sempre e apenas envelhecem.

Chatice é questão de ponto de vista, claro.
Mas ser bobo-alegre é ser exceção no mundo?
Mais de uma vez me chamaram de contente e em uma delas já disseram que sou a pessoa mais contente que já tivera visto, a criatura que proferiu isso.

Será que isso foi dito por que eu sou feliz mesmo, por que estava sorridente naquela hora ou porque fiz a pessoa se sentir contente?
Tanta gente finge tantas coisas… e se todo mundo vestisse mais a máscara de feliz, uma hora elas mesmas acreditariam nisso e tomariam como verdade?

Será que vale a pena o teste? 😉